Notícias do Mundo Motorizado

NOVO RENAULT CLIO GORDINI GTS: EMOÇÃO E RAZÃO…

Emoção e razão… Dois sentimentos quase sempre inconciliáveis, mas que podem ter expressão num automóvel, e as linhas que se seguem comprovam-no… E fica o desafio: quantos automóveis como o Renault Clio Gordini GTs conseguem conciliar sentimentos tão distintos? Afinal, é racional no preço de aquisição e nos custos de utilização (é equipado com o motor 1.5 dCi de 105 cavalos) e emocional, por ser exclusivo – ou não fosse Gordini! – e por ter um comportamento em estrada verdadeiramente entusiasmante. Comercializado com placa numerada, o Clio Gordini GTs já está disponível da Rede de Concessionários Renault por 22.900€.

Apesar de democratizar o acesso à gama Clio Gordini, o Clio Gordini GTs respeita as premissas básicas desde sempre associadas à história da Gordini: as célebres listas brancas e um temperamento desportivo. Sim, não se trata de um modelo “apenas” personalizado e a prova disso mesmo é que herda o chassis “Sport” do Clio R.S. . Ou seja, uma base desenvolvida pela Renault Sport Technologies que confere um comportamento dinâmico de excepção. No fundo, comprova-se que o Renault Clio Gordini GTs consegue ser distinto, exclusivo, emocionante e até acessível, não só na aquisição (é comercializado por 22.900€) mas também na utilização. E tudo porque o Clio Gordini GTs é equipado com o motor 1.5 dCi de 105 cv. Um bloco que, associado a uma caixa manual de seis velocidades, permite atingir uma velocidade máxima de 190 km/h, mas com um consumo misto de apenas 4,5 l/100 km!

Personalização Gordini no exterior e no habitáculo

 No Clio Gordini GTs o carácter distinto e exclusivo é bem evidente logo no exterior e não “apenas” pela presença das célebres listas brancas na carroçaria. Destaque, também, para a grelha dianteira em preto brilhante, para a máscara preta nos faróis, para as saias laterais, para as jantes em alumínio de 16 polegadas, para a dupla saída do escape e para o aileron. No fundo, pormenores que estão de acordo com o comportamento dinâmico de excepção do Clio Gordini GTs.

Se o exterior é fortemente marcado pelo carácter Gordini, o interior não o é menos… A começar pela placa numerada – sinal de exclusividade ! –  os pedais em alumínio perfurados ; os bancos em couro/tecido azul e preto com apoio lateral reforçado e assinatura GT (em tudo idênticos ao do Clio Renault Sport); o volante sport em couro com duas faixas brancas no ponto zero ; a pega da caixa de velocidades em metal com assinatura Gordini e fole da caixa em couro azul; os painéis das portas em azul Gordini; os manómetros com moldura e fundos brancos; a cobertura do painel de bordo em tecido azul; a consola central em preto lacado; e os tapetes com assinatura Gordini.

Uma base rolante específica para um comportamento muito eficaz

Os engenheiros da Renault Sport Technologies trabalharam, particularmente, o chassis do Clio Gordini GTs com o objectivo de oferecer um comportamento dinâmico de excepção, mantendo, ao mesmo tempo, um bom nível de conforto.

À frente, a rigidez das molas e a taragem dos amortecedores foram aumentadas (+ 15% em relação à berlina). Atrás, as molas helicoidais de flexibilidade variável estão igualmente mais duras (+ 15%) e foram introduzidos novos amortecedores de maior diâmetro. Estas soluções técnicas asseguram um melhor controlo dos movimentos da carroçaria e trajectórias mais precisas. Para contrariar o rolamento, o diâmetro da barra estabilizadora foi aumentado, passando de 20,5mm para 21mm. O eixo traseiro foi equipado com articulações mais duras, idênticas às do Clio Renault Sport. O Novo Renault Clio Gordini GTs recebe, igualmente, um acerto mais directo na direcção assistida, centrado no dinamismo e prazer de condução.

Motorização de reconhecido carácter

A versão Gordini GTs está equipada, em Portugal, com o motor dCi de 105 cv, acoplado a uma caixa de velocidades manual de seis relações.

Ao levar apenas 10,2s para atingir os 100 km/h e menos de 33s a percorrer os primeiros 1000 metros, o Clio Gordini GTs explora todas as potencialidades da base rolante com o carácter de um pequeno desportivo.

Para além das inegáveis prestações dinâmicas, o Clio Gordini GTs é, ao mesmo tempo, particularmente económico, com um consumo de 4,5 l/100 km em ciclo misto e com um nível de emissões de apenas 110 g/km e recebe, por isso, a assinatura “Renault eco²”, assumindo-se como um excelente compromisso para quem procura um automóvel de forte carácter, comportamento dinâmico ao melhor nível, económico e acessível.


Desportivo topo de gama

Para além de todos os detalhes que permitem identificar, no exterior e no interior, o Clio Gordini GTs como um verdadeiro desportivo, esta versão possui um conjunto de equipamentos, muitos deles originários dos segmentos superiores, que o tornam num verdadeiro topo de gama, nomeadamente: ESP – controlo electrónico de estabilidade, ar condicionado automático, regulador e limitador de velocidade, retrovisores eléctricos rebatíveis electricamente, faróis adicionais de nevoeiro e de viragem, Radiosat CD MP3 com ligação iPod; volante regulável em altura, regulação em altura do banco do condutor, sensor de chuva e luminosidade, sistema de trancamento automático das portas quando em movimento, computador de bordo com sete funções, bem como sistema de navegação integrado Tom Tom, em opção.

Fonte : Renault Portugal