Notícias do Mundo Motorizado

Pião tira pódio a José Pedro Fontes

Terminou esta tarde em Chaves a edição de 2020 do Rali do Alto Tâmega, quarta prova do Campeonato de Portugal de Ralis 2020, que marcou um regresso dos ralis continentais e, de novo, em pisos de asfalto. Para o Citroën Vodafone Team o resultado final não foi o ambicionado. Depois de terem lutado, do princípio ao fim, pelo pódio, José Pedro Fontes e Inês Ponte colocaram o Citroën C3 R5 no quarto lugar final.

Após um percalço no “qualifying”, que acabou por condicionar performance da equipa durante toda a primeira etapa, o piloto portuense aplicou-se a fundo neste segundo dia de rali para tentar encurtar o fosso para o comandante da prova. Porém, este esforço acabou por não surtir efeito, sendo certo que o quarto lugar final não reflete de modo algum a performance rubricada ao longo deste exigente rali. Um pião na penúltima especial (Chaves/Boticas 2) teve um custo direto de quase três dezenas de segundos na classificação…

No final, José Pedro Fontes esclarecia que “estávamos a tentar recuperar, mas nas condições em que o rali se disputou e ao nível a que andamos, uma falha, por mínima que seja, representa uma fatura pesada e que nós pagámos de imediato. Sei que tínhamos condições para lutar pela vitória, algo que se complicou ainda na manhã de ontem e que influenciou todo o nosso rali. Este não é o resultado final que pretendíamos, mas a verdade é que foi uma prova cheia de percalços, em que andámos sempre a correr atrás do prejuízo. Ainda assim, não baixamos os braços, temos mais ralis pela frente e há muitos pontos em disputa. Agora há que trabalhar a pensar no Rali Vidreiro, novamente em asfalto, onde o nosso foco volta a estar na vitória.

O Campeonato de Portugal de Ralis prossegue nos dias 9 e 10 de outubro, na região da Marinha Grande, com o Rali Vidreiro/Centro de Portugal.

CLASSIFICAÇÃO FINAL:

1º Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai), a 54m55,3s

2º Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda), a 11,2s

3º Ricardo Teodósio/José Teixeira (Skoda), a 34,0s

4º José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroën C3 R5), a 48,9s

5º Pedro Meireles/Mário Castro (VW), a 57,3s