| | | | | | | | |   

RVM: Mais um cálice de emoções em pleno Atlântico

31 July , 2017

A edição deste ano do Rali Vinho Madeira conta com uma excelente lista de inscritos, para aquele que é um dos ralis de asfalto mais apetecíveis da Europa. Com um figurino muito peculiar e troços que obrigam a uma condução precisa e apurada, a prova madeirense acaba por ser um excelente ensaio para quem deseja voos mais altos na vertente de asfalto dos ralis mundiais. Que o diga o francês Stéphane Lefebvre que faz uma pausa no WRC para esta digressão até à ilha da Madeira, regressando aos comandos de um Citroen DS3 R5, que tão bem conhece. A dupla francesa do Citroen, composta por Lefebvre e Moreau, é assim a grande favorita à vitória, independentemente de outros nomes nacionais e estrangeiros que também constam da lista de fortes candidatos.

Lefebvre/Moreau vão estar sentados aos comandos do Citroen DS3 R5 que foi campeão nacional de ralis com José Pedro Fontes e Inês Ponte (em recuperação do acidente sofrido no Vodafone Rally de Portugal), fazendo parte de uma lista de 11 pilotos estrangeiros que se inscreveram para a edição deste ano do Clube Sports Madeira. Mas se Lefebvre é visto como um dos pilotos mais cotados, por estar a disputar o WRC, é necessário não esquecer a vasta experiência e competitividade de Giandomenico Basso (Hyundai i20 R5) e de Simone Tempestini (Citroen DS3 R5), dois dos nomes estrangeiros a ter em conta para esta prova.

Fortes candidatos a discutir a vitória são também ilustres nomes portugueses, com especial destaque para um excelente lote de eficazes pilotos locais que se apresentam muito bem equipados, como é o caso dos madeirenses Alexandre Camacho (Peugeot 208 T16 R5), Miguel Nunes (Hyundai i20 R5), João Silva (Citroen Ds3 R5) e Gil Freitas (Citroen DS3 R5). Do continente, aptos a discutir lugares cimeiros na Madeira, vai estar presente um trio de respeito, com João Barros (Ford Fiesta R5), Miguel Campos (Skoda Fabia R5) e Carlos Vieira (Citroen DS3 R5), para além de Miguel Barbosa (Skoda Fabia R5) e Joaquim Alves (Ford Fiesta R5). Uma prova que promete muitas emoções, para além de algumas ausências de peso a nível nacional, como a do campeão nacional José Pedro Fontes, pelas razões já conhecidas, a do atual líder do Campeonato Nacional de Ralis Pedro Meireles, por opção, a de Bruno Magalhães, a disputar nestes mesmo dias o ERC na Polónia, onde defende com a ARC Sport a liderança do Europeu e também a de Ricardo Moura.

A prova madeirense arranca na quinta-feira dia 3 de agosto com a sempre muito apreciada Super Especial, um espetáculo em plena Avenida do Mar, agendada para as 19h30, com os dois dias seguintes a conquistarem a ilha da Madeira, com mais 18 troços cronometrados a prometerem muito espetáculo e emoções durante os dias 4 e 5 de agosto. Um rali Vinho Madeira muito competitivo, que espera em breve regressar ao topo dos ralis europeus.


por:

Tags:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Redes Sociais

Parceiros




Grupo PressXL

 
 
 

WebLinks