Notícias do Mundo Motorizado

José Pedro Fontes e Inês Ponte na luta pela vitória

Teve lugar, esta tarde, a primeira das duas etapas que compõem a edição de 2020 do Rali de Castelo Branco, prova que marca o regresso do Campeonato de Portugal de Ralis, depois da paragem de cerca de quatro meses. A etapa de hoje, contou com três especiais e pouco mais de 45 quilómetros ao cronómetro, todas elas a sul de Castelo Branco e disputadas sob um calor tórrido que promete prologar-se ao longo do fim-de-semana. O Citroën Vodafone Team, composto pela dupla José Pedro Fontes/Inês Ponte entrou em força na prova da Escuderia de Castelo Branco, rubricando uma exibição que os coloca dentro dos objetivos previamente traçados. Sempre na luta pelos lugares da frente a equipa assegurou o segundo lugar após este dia de arranque, deixando tudo em aberto para etapa de amanhã.

Na primeira especial do rali, Vila Ruivas 1, a dupla do Citroën C3 R5 averbou a segunda melhor marca, a apenas 2,4s do líder, deixando bem vincada a ideia da toada que pretendia imprimir. Rapidamente se percebeu que neste sábado a luta seria a três e foi com Armindo Araújo e Bruno Magalhães que José Pedro Fontes se bateu, de tal forma que, após a especial e Foz do Cobrão, estava empatado ao milésimo com Magalhães e ambos a escassos três segundos de Araújo. No derradeiro troço do dia, a segunda passagem por Vila Ruivas, foi a vez da dupla José Pedro Fontes/Inês Ponte mostrar os trunfos, vencendo a especial e reduzindo para 1,1s o fosso para o líder, deixando o terceiro classificado, a 3,2s.

No final do dia, José Pedro Fontes comentava que “foi um dia muito exigente, também por causa do calor, mas correu-nos bem e o segundo lugar a pouco mais de um segundo da liderança é prova mais que suficiente do quão disputada foi esta primeira etapa. Eu, o Bruno e o Armindo, vencemos cada um uma especial, mas as diferenças foram muito pequenas e amanhã estamos todos na luta pela vitória. O carro esteve excelente, estamos confiantes e cheios de vontade de disputar cada quilómetro da etapa de amanhã…”

A segunda etapa contará com quatro especiais, duas passagens por Dáspera e Sto. André das Tojeiras, que totalizam 52,4 quilómetros. O dia de amanhã arranca pelas 10h48, estando o derradeiro troço agendado para 15h09.

CLASSIFICAÇÃO (após a 1ª Etapa)

1º Armindo Araújo/Luís Ramalho (Hyundai), 25m44,6s

2º Citroën Vodafone Team – José Pedro Fontes/Inês Ponte (Citroën C3 R5=, a 1,1s

3º Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai), a 4,2s

4º Ricardo Teodósio/José Teixeira (Skoda), a 22,9s

5º Pedro Meireles/Mário Castro (VW), a 39,6s