Notícias do Mundo Motorizado

Civic Atomic Cup arrancou em fim de semana de festa no Circuito do Estoril

Está oficialmente lançada a Civic Atomic Cup, competição organizada pela Motor Sponsor que marca o regresso dos emblemáticos Honda Civic Type-R aos traçados nacionais e que fez a estreia absoluta no último fim de semana, no Circuito do Estoril, em grelha partilhada com os Legends.

Um evento aguardado com muita expectativa, que culminou numa satisfação total de todo o plantel, que foi evoluindo gradualmente ao longo da jornada inaugural da competição.

Nos treinos cronometrados, Eduardo Leitão, que divide o volante do Honda Civic Type-R nº 155 com Gonçalo Inácio, assinou a melhor marca da classe PRO. Um feito igualado por Filipe Barreto na AM, piloto que tem como companheiro de equipa Francisco Viola, no carro nº 154. Pilotos que evidenciaram uma grande proximidade de andamentos, apesar da diferença de classes, com menos de meio segundo a separá-los. Estavam assim cumpridos os primeiros quilómetros oficiais da nova competição, que gerou um feedback muito positivo entre os pilotos, com particular destaque para a performance do Honda Civic Type-R no traçado do Estoril, onde sobressaía a resposta do motor, o comportamento do chassis e a capacidade de travagem.

Dos treinos cronometrados para a corrida 1, Eduardo Leitão e Filipe Barreto mantiveram a toada, protagonizando uma grande luta ao cronómetro, que fez subir a tensão para quem via. No final, Eduardo Leitão acabaria por ser o primeiro a passar a meta, selando a vitória na PRO, seguido de Filipe Barreto, que venceu a AM, e de Hugo Oliveira, também da AM, que se estreou em competição na jornada do Estoril. Já Orlando Batina, que faz dupla com Sérgio Azevedo, terminou no segundo posto da PRO, seguido de Pedro Cerqueira, que tem como companheiro de equipa Nuno Figueiredo.

Para Eduardo Leitão, este foi um triunfo difícil de obter: “O nosso carro não tinha o set up ideal e o Filipe estava de facto mais rápido. Acredito que foi a minha experiência que me permitiu fazer a diferença e ser o mais rápido em pista, mas foi sem dúvida um triunfo bastante exigente de conseguir.”

Por seu lado, Filipe Barreto sublinha o fator novidade: “Foi uma experiência nova a todos os níveis para mim, com uma grelha cheia e com carros com andamentos diferentes, o que torna tudo bem mais exigente. Mas o nosso Honda Civic Type-R estava muito bom e consegui realizar uma prova que me deixa muito satisfeito.”

Na corrida 2, a disputa ao cronómetro voltou a ser o prato forte entre o plantel dos Honda Civic Type-R, num pelotão com novos rostos atrás do volante. Uma comitiva que teve como principal protagonista Gonçalo Inácio, piloto que se assumiu como o mais rápido em pista, assinando o segundo triunfo do fim de semana para a equipa na classe PRO. Também Hugo Oliveira alcançou o primeiro triunfo da carreira, ao ser o melhor na AM, após um incidente de corrida ter colocado fora de prova Francisco Viola, numa altura em que liderava a classe. Já Sérgio Azevedo, terceiro a cortar a meta, foi o segundo da PRO, seguido de Nuno Figueiredo, segundo na AM. Apesar do incidente, Francisco Viola acabaria por se classificar em terceiro da AM.

Um desfecho de fim de semana que deixou Gonçalo Inácio muito satisfeito: “Saímos desta primeira jornada com duas vitórias, que era o nosso objetivo, por isso foi um excelente resultado conjunto. Quero agradecer à minha equipa por todo o trabalho e dar os parabéns à Motor Sponsor por este troféu, que está a dar da melhor forma os primeiros passos.”

Já Hugo Oliveira salienta um evento em que tudo correu bem: “Nas últimas quatro voltas tive que gerir o andamento, pois estava a ficar sem combustível. Por outro lado, o Francisco, que estava na minha frente e era de facto mais rápido, teve uma infelicidade que me permitiu ganhar. Mas as corridas são mesmo assim, este fim de semana tive comigo a estrelinha pois felizmente correu tudo bem.”

Um fim de semana que à ação em pista se juntou a muita animação proporcionada no paddock, no âmbito do Estoril Racing Kickoff, que marcou o arranque da época desportiva das competições de velocidade em Portugal. Um paddock revestido de emoção para a qual contribuíram as presenças do Street Attack Lisbon, no sábado, e do Sintra Clássicos, no domingo, a par de um espaço AMG com test-drives exclusivos realizados pela C. Santos VP, que tiveram casa cheia ao longo dos dois dias. Um fim de semana desenhado a pensar no público, que contou também com uma zona kids exclusiva, com trampolins e insufláveis, máquinas de pipocas e algodão doce, e uma praça de alimentação a acompanhar todo o evento.

Um leque de atividades único, que teve uma fantástica resposta por parte do público. O resultado de um trabalho coletivo que o responsável máximo da Motor Sponsor, André Marques, sublinha: “Foram milhares as pessoas que marcaram presença no autódromo, que proporcionou um leque dinâmico de atividades que fizeram toda a diferença. Foi sem dúvida um excelente kickoff da velocidade nacional, que superou as nossas expectativas, e, por isso, a satisfação e o sentimento de dever cumprido são totais”, enaltecendo ainda a estreia da nova competição: “A Civic Atomic Cup está oficialmente lançada. Um conceito que muito nos orgulha e que nesta primeira prova recebeu um feedback muito positivo de pilotos e equipa. Sabemos que o plantel vai crescer já na próxima jornada, disputada num palco histórico do automobilismo, Vila Real.”