Notícias do Mundo Motorizado

“Um furo impediu nova vitória”

Decididos a manter a invencibilidade na categoria T8, a dupla Nuno Tordo / Nelson Ramos teve que contentar-se com um honroso segundo lugar, mas consolidou a sua liderança no campeonato, estando ainda mais perto do título.

Sabia-se que a Baja de Loulé, quarta prova do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno, era a mais dura do calendário e a equipa estava preparada para lutar pela vitória, mas um furo e algumas dificuldades nas ultrapassagens, levaram os comandantes do Campeonato T8, a cortar a meta no segundo lugar:


“Antes de mais, quero saudar a entrada para a equipa do Nelson Ramos, que é o quarto navegador desta época e que foi uma pedra muito importante neste sucesso, que vivemos este fim-de-semana em terras algarvias.” – começa por nos dizer o piloto, que continua; “Conhecemo-nos de há muitos anos, de outras lutas interessantes, mas sempre leais e dentro do carro de competição, só no prólogo, o relacionamento competitivo começou e acho que foi uma boa experiência para ambos”.


Começando ao ataque logo no prólogo, uma ligeira saída de pista e a manobra posterior fez com que a equipa não vencesse o primeiro teste, mas a confiança estava em alta e logo no primeiro sector, o maior andamento e consistência levaram a Navara da O.R.C. para a frente:
“Um erro ligeiro no prólogo, colocou-nos atrás do nosso adversário mais directo, mas cedo começámos a ganhar vantagem no primeiro sector, que e acabámos, com mais de um minuto de vantagem sobre o segundo, sem arriscar, para não furar e sempre a poupar a mecânica. O sector seria interrompido entretanto, o que foi pena, pois por certo que, no final, a nossa vantagem seria ainda maior.


No Domingo, a repetição do mesmo percurso, trouxe dificuldades acrescidas. Nas ultrapassagens temos que parar para deixar passar pilotos mais rápidos, azarados no primeiro dia, mas partimos para a pista em nono da geral, ou seja dentro do lote das equipas, que partiam separadas por dois minutos. Por duas vezes perdemos muito tempo – cerca de 40 segundos de cada vez… – por causa das ultrapassagens e depois foi um furo que nos retirou a possibilidade de conseguir mais uma vitória. As corridas são assim, mas saímos de Loulé ainda mais na frente do CPTT – T8, agora a três provas do final do mesmo.” – concluiu, Nuno Tordo.


A próxima prova será a Baja Reguengos – Capital dos Vinhos de Portugal, nos dias 22 a 25 de Setembro. 555 é o número que devem continuar a seguir. Nuno Tordo / Nelson Ramos – Nissan Navara T8.