Notícias do Mundo Motorizado

Corridas difíceis para Tiago Monteiro na Hungria

As duas corridas do FIA WTCR na Hungria foram tão difíceis quanto o esperado para Tiago Monteiro que a sair da cauda do pelotão fez o que foi possível e cruzou a linha de meta na 16ª e 15ª posições.

Sem condições para fazer melhor, Tiago lutou por ir mais além mais foi completamente impossível: “Não há muito que se possa dizer. Os resultados não espelham o esforço e empenho e não houve mais que pudesse fazer. Esta era a primeira corrida feita em circuito dito normal e sentimo-nos completamente impotentes e frustrados”, explicou Tiago Monteiro.

Tiago está na expectativa que o ‘BOP’ seja ajustado e mais equilibrado para a próxima prova de forma a poder discutir com as mesmas armas os primeiros lugares das corridas “Aragón não é uma pista fácil para o nosso carro e sabemos bem o que é chegar com um BOP desfavorável lá, pela experiência do ano passado. Temos todos que olhar para este fim-de-semana e tirar as devidas conclusões e fazer os devidos ajustes. Até lá vamos focar-nos no que podemos mudar e tentar correr atrás do prejuízo”, rematou o piloto português.

A jornada de Aragón em Espanha acontece dentro de 15 dias a 25 e 26 de Junho.